Por que a educação deve se interessar pela compreensão humana

Aqui estão algumas das respostas e perguntas possíveis sobre a compreensão humana - habilidade primordial para a educação do século XXI proposta pelo paradigma da complexidade. Este artigo científico decorre das elaborações da tese doutoral em pensamento complexo que realizei na Multiversidad (México, 2020) e foi publicado na Revista Com Censo - Estudos Educacionais do Distrito Federal, da Secretaria de Educação do DF - periódico categoria Qualis B3. A publicação é de novembro de 2019.


Este artigo de reflexão objetiva analisar as aprendizagens que o desenvolvimento da compreensão humana requer e examina por que deveria ser uma área de interesse nos contextos educativos. Elaborado como pesquisa documental, o texto incorporou em seu marco analítico Edgar Morin, autor que aborda, desde a década de 1990, a compreensão humana em perspectiva complexa – do latim, complexus quer dizer o que está tecido bem junto. A análise indica que entre as principais aprendizagens que favorecem o desenvolvimento e exercício da compreensão humana estão a reforma do pensamento, o autoconhecimento, o reconhecimento da condição humana, a empatia e a comunicação dialógica.


Acesse o texto abaixo, em português, na página da Revista Com Censo:


http://www.periodicos.se.df.gov.br/index.php/comcenso/article/view/722





0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo